Já está disponível pela Editora Novo Século “Mortal Engines”, o primeiro volume da tetralogia conhecida por “Crônica das Cidades Famintas” do escritor e ilustrador Philip Reeve.

A obra anacrônica do autor descreve um futuro pós-apocalíptico escasso em recursos naturais em que quase todo o conhecimento da humanidade fora perdido.

Após a devastadora “Guerra dos Sessenta Minutos”, o Estado Nacional fora extinto, não havendo mais países. Cidades inteiras foram agrupadas e transformadas em imensos conglomerados urbanos móveis, as “Cidades-Tração” – que alimentam-se de outras cidades.

Book Trailer

Com o formato similar ao de uma pirâmide, as Cidades-Tração são construídas em camadas que separam a sociedade por classes: os mais pobres habitam os andares mais baixos da Cidade, perto do calor e da poluição; já os mais ricos, habitam o topo da construção.

Londres é a mais potente Cidade-Tração no universo criado por Reeve e, assim como as demais cidades-móveis, vive da caça predatória de cidades menores, capturando-as a fim de extrair o que há de combustível, recursos naturais e suprimentos.

Em meio ao caos ditado pelo Darwinismo Municipal, um grupo de sobreviventes denominado Liga-Anti-Tração luta para pôr fim a tal prática estabelecida, cujos resultados têm se demonstrado mais prejudiciais do que benéficos para a recuperação do planeta.
Há rumores acerca de uma adaptação de Mortal Engines para o cinema (IMDBSciFi Movie Page) supostamente confirmada desde Abril de 2010, que teria produção e direção de Peter Jackson. A produção seria filmada em 3D e estaria nos cinemas em 2012.

Visite o site do livro: mortalengines.novoseculo.com.br

SteamCast #003 ~ Entrevista com Philip Reeve